Pindamonhangaba exporta US$ 108 milhões em maio e se mantém entre as 10 melhores cidades do Estado

Vista área Novelis – Foto: Divulgação ABAL

Pindamonhangaba continua com volume expressivo de vendas ao exterior e se manteve entre os 10 municípios paulistas com maior volume de exportação. Somente no último mês de maio, a cidade totalizou uma movimentação de US$ 108 milhões.

Os dados foram divulgados na última semana pelo Ministério da Economia e colocaram Pindamonhangaba na quarta colocação da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte, 10º no Estado de São Paulo e o 37º no ranking nacional.

Na apuração do mês de maio, Pinda aparece na terceira colocação da região Metropolitana do Vale do Paraíba, atrás somente das cidades Ilhabela e São José dos Campos.

Valores Exportados em maio/2022 pelas principais cidades Vale do Paraíba – em milhões US$

Ilhabela                                                             394 milhões

São José dos Campos                      196 milhões

Pindamonhangaba                                          108 milhões

Taubaté                                                              97 milhões

Guaratinguetá                                                   41 milhões

Jacareí                                                                   66 milhões

São Sebastião                                                     30 milhões

Acumulado no ano

Com os dados de maio, Pindamonhangaba acumula em 2022 o volume de US$ 725,1 milhões, atrás somente de Ilhabela (US$ 1,7 bilhão), São José dos Campos (US$ 844,4 milhões) e São Sebastião (US$ 838,4 milhões).

“Fechamos mais um mês muito positivo e nosso valor, em apenas cinco meses, já está próximo de todo volume de exportado no ano passado, quando atingimos nosso recorde com US$ 905 milhões”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Roderley Miotto.

A balança comercial do município vem sendo puxada pela comercialização de óleos brutos de petróleo ou de minerais, seguido da venda de ferro e aço e em terceiro lugar pelo segmento de alumínio.

Neste ano, os países com maior volume negociado foram República Dominicana, China, Índia, Argentina, Chile e EUA.

Para o prefeito Dr. Isael Domingues o trabalho do segmento industrial vem gerando impulsionando a renda do município. “Começamos 2022 com a meta de ultrapassar a barreira de US$ 1 bilhão em exportação e estamos sentindo que em julho ou agosto a nossa expectativa já será superada, o que é um sinal positivo de que nossa economia está indo muito bem”, comentou.

Os estudos são realizados pelo Comex Stat, sistema para consultas e extração de dados do comércio exterior brasileiro e são divulgados mensalmente com detalhamento das exportações e importações de cada município, extraídas do SISCOMEX e baseada na declaração das empresas.

Por Ascom PMP